Novo preço do Gás de Cozinha impressiona brasileiros

Na metade da última semana, a Petrobras anunciou a redução do preço médio da venda do gás liquefeito de petróleo (GLP). Desse modo, o preço vendido para as distribuidoras que era encontrado a R$ 3,7842 por quilo (kg) foi reajustado para R$ 3,5842/kg.  “Essa redução acompanha a evolução dos preços de referência e é coerente […]

Novo preço do Gás de Cozinha impressiona brasileiros

Na metade da última semana, a Petrobras anunciou a redução do preço médio da venda do gás liquefeito de petróleo (GLP). Desse modo, o preço vendido para as distribuidoras que era encontrado a R$ 3,7842 por quilo (kg) foi reajustado para R$ 3,5842/kg. 

“Essa redução acompanha a evolução dos preços de referência e é coerente com a prática de preços da Petrobras, que busca o equilíbrio dos seus preços com o mercado, mas sem o repasse para os preços internos da volatilidade conjuntural das cotações e da taxa de câmbio”, disse a Petrobras. 

Conheça a Iniciativa Petrobras de Doação de GLP

A Petrobras é responsável por uma iniciativa empresarial que visa contribuir para que famílias em situação de vulnerabilidade econômica tenham acesso ao gás de cozinha (GLP).  “Em 2021, foram doados os recursos correspondentes a 300 mil auxílios para a aquisição do gás de cozinha, no valor de R$ 100 cada, para a compra de botijões de gás de 13kg, em parceria com a Fundação Banco Brasil e com instituições que integram o Programa Petrobras Socioambiental”, informa a estatal em seu site. 

Neste ano, a Petrobras optou por atuar em três linhas de ação. Na primeira linha deveriam ser beneficiadas as famílias de comunidades vizinhas as operações da estatal. Na segunda linha de ação, a Petrobras escolheu realizar uma doação financeira para as instituições Ação da Cidadania, Central Única das Favelas (Cufa), Gerando Falcões e Movimento União BR que realizam campanhas de arrecadação de alimentos.

Por fim, na terceira linha de ação a Petrobras em parceria com a organização Gastromotiva, se comprometeram a garantir o fornecimento de alimentação para pessoas em situação de insegurança alimentar de grandes cidades brasileiras. Desta forma, foram destinados recursos para que cozinhas comunitárias produzissem marmitas para a população em situação de vulnerabilidade social. 

É importante lembrar que não existe um processo de inscrição para receber essas doações da Petrobras. “As instituições parceiras da iniciativa identificarão famílias que se enquadram nos critérios estabelecidos e se encontram em seus territórios de atuação, e farão contato com os contemplados”, explicou a estatal

O Vale-Gás do governo federal

Diferente da iniciativa de doação da Petrobras, para receber o Vale-Gás do governo federal é preciso estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do governo federal (CadÚnico). Além disso, para receber o auxílio a renda familiar mensal per capita precisa ser igual ou inferior a meio salário mínimo nacional. 

Segundo informações disponibilizadas pelo Ministério da Cidadania, terão prioridade a receber o benefício as famílias que possuírem entre seus membros -residentes no mesmo domicílio- beneficiários do Benefício de Prestação Continuada. O BPC é um auxílio destinado a pessoas com deficiência e idosos com 65 anos ou mais que comprovem não possuir meios de prover a si mesmo ou a família. 

Vale pontuar que a legislação que garante o Vale-Gás para famílias em situação de vulnerabilidade social determina que o benefício será concedido preferencialmente “às famílias com mulheres vítimas de violência doméstica que estejam sob o monitoramento de medidas protetivas de urgência”. Mais informações sobre o benefício podem ser obtidas nos canais oficiais do governo federal. 

4/5 - (54 votes)